Segunda linha de ação: as escolas - PLANO DE AÇÃO EDUCACIONAL: IMPLEMENTANDO AÇÕES (2023)

As mudanças organizacionais que se pretendem desenvolver através das ações deste PAE destinam-se a garantir, efetivamente, as práticas eficazes nas escolas da jurisdição. Exercendo a função de Analista Educacional, em atendimento às unidades escolares e em debates com colegas de trabalho sobre os entraves para a implementação de práticas mais eficazes nas escolas, foi apontado que as características culturais e organizacionais das escolas determinam muito mais o desempenho dos profissionais do que as oportunidades formais de aprendizagem ou os cursos de capacitação.

“As relações organizacionais são, de certa forma, determinadas pelo contexto do todo em que ocorrem e que apresenta certas estimulações, inibições e imposições” (MORIN, 1987 apud LÜCK, 2010, p. 69). Essa afirmação corrobora as observações ora apresentadas e destaca a importância de se confirmar a prática da formação continuada dos profissionais, a partir da realidade contextual das unidades escolares. Assim, depreende-se a importância de se investir no aprimoramento da cultura organizacional das escolas, e também do sistema, como garantia da melhoria de sua qualidade profissional e, consequentemente, do ensino.

Segundo Soares (2002), os estudos sobre eficácia escolar apontam a gestão como fator fundamental na construção e na execução de um projeto pedagógico coeso e legítimo. O autor menciona que uma liderança eficiente deve buscar um relacionamento próximo e tranquilo com a equipe de trabalho, mobilizando-a para o cumprimento dos objetivos educacionais almejados pela escola. Outro elemento importante é o envolvimento dos professores nos processos de tomada de decisões e no desenvolvimento dos projetos de ensino da escola. Portanto, além da construção de um bom projeto pedagógico, é necessário envolver os professores para garantir sua perfeita implementação.

O dirigente escolar pode conseguir um ambiente com forças centrípetas, com todos unidos em prol do aprendizado dos alunos, ou centrífugas, com cada um empenhado apenas em fazer o seu trabalho, sem o interesse maior e sem troca de informações (SOARES et al., 2002, p. 22).

Nesse sentido, entende-se que o papel da liderança escolar é decisivo para a atuação da equipe no desenvolvimento das ações do Projeto Educação Eficaz nas escolas. Portanto, após a efetivação da Avaliação Participante e o início das ações do projeto na regional, sua divulgação se estenderia aos gestores das unidades escolares, para sua realização nas escolas, seguida da implementação das práticas eficazes relevantes a cada contexto. O repasse e o estudo do material teórico que compõe a pesquisa e a Avaliação Participante seriam efetivados por ocasião das formações de gestores e dos encontros gerenciais, já previstos no calendário de ações anuais da superintendência.

Os próprios Analistas Educacionais e os Inspetores Escolares, além dos gestores, seriam os agentes disseminadores no processo de implantação dessas propostas, uma vez que as visitas às escolas e o acompanhamento de seus programas, projetos e ações, em geral, fazem parte de sua atuação profissional. Além disso, eles já teriam passado pelo processo de Avaliação Participante e pelo início das ações do Projeto Educação Eficaz na SRE, o que pode facilitar a compreensão e o acompanhamento do processo nas escolas.

Como dito anteriormente, a presente proposta de ação do Projeto Educação Eficaz para as escolas inicia-se com a divulgação da pesquisa, do processo de Avaliação Participante e do início das ações já desenvolvidas na SRE para os gestores escolares. Essa ação seria realizada pela Analista Educacional/pesquisadora, juntamente com os diretores da SRE, no mês de março de 2014, durante uma das reuniões gerais com os gestores. Seu objetivo é garantir a adesão dos gestores ao projeto, uma vez que essa não seria imposta aos gestores e às equipes escolares, mas sugerida como forma de melhorar a qualidade dos serviços prestados pelas instituições educacionais da regional.

A partir da apresentação de todas as linhas de ação do Projeto Educação Eficaz, os gestores que concordassem com a adesão realizariam, inicialmente, o processo de Avaliação Participante em suas escolas, juntamente com a Analista Educacional ou com a Inspetora Escolar que. Essa ação aconteceria nos meses de março e abril de 2014, durante os momentos de atividades extraclasses ou em reuniões realizadas nas escolas, tendo por objetivo garantir o processo de Avaliação Participante em todas as escolas da regional, com todos os profissionais que nelas atuam.

A Avaliação Participante aconteceria nas escolas de forma análoga à realizada na SRE, porém, como está descrita na metodologia do processo, i.e., voltada para o contexto escolar. Após a Avaliação Participante, os profissionais das escolas participariam de um momento de estudos, em que a literatura especializada sobre práticas eficazes seria revisada, durante um dos momentos de atividades extraclasse realizados na escola, no mês de junho de 2014. Essa ação seria realizada pelo gestor da escola, juntamente com sua equipe pedagógica. Para conseguir realizá-la, os gestores escolares, direção e supervisão teriam passado por um processo de formação na SRE, para as

devidas orientações. A dupla Analista Educacional e Inspetor Escolar, que atendem à escola, também fariam o acompanhamento do processo. O objetivo é garantir que todos os profissionais tenham conhecimento sobre esse campo de análise conceitual e possam, com mais propriedade, debater e elencar as práticas escolares eficazes mais apropriadas à sua atuação profissional.

A partir do processo de Avaliação Participante, todas as escolas que aderissem ao projeto fariam uma reformulação de seu projeto pedagógico, uma vez que esse é o que há de mais importante no contexto escolar (SOARES, 2002), e seus objetivos devem estar em consonância com as mudanças organizacionais mobilizadas pelo processo de Avaliação Participante. Essa ação seria realizada pelo gestor escolar, juntamente com toda a equipe profissional da escola, e aconteceria nos meses de maio e junho de 2014. A fim de transformar em ações concretas as aspirações do grupo de educadores de cada escola, essas seriam elencadas em seu Projeto Educação Eficaz e desenvolvidas por todos os profissionais da escola.

Para que as novas práticas voltadas para a eficácia escolar sejam realmente efetivadas nas escolas, é necessário que as práticas de gestão estejam alinhadas com esse novo compromisso. Isso requer um grande esforço da equipe gestora para que todos os profissionais da escola estejam predispostos a se integrarem à cultura organizacional voltada para a eficácia escolar, como demandam as ações do projeto. Por isso, é importante que a equipe gestora realmente se empenhe para realizar um encontro mensal, de pelo menos uma hora, com o objetivo de garantir o realinhamento das práticas de gestão integradas às ações eficazes previstas no projeto, e fortalecer sua atuação junto aos demais membros da equipe escolar.

As ações do Projeto Educação Eficaz, as quais seriam elaboradas pelas equipes em cada unidade escolar, após a Avaliação Participante, a fim de alavancarem os processos de mudança nas escolas, aconteceriam com o acompanhamento de um grupo, no qual haveria representações dos diversos profissionais da escola. O monitoramento realizado pelo grupo de profissionais de cada escola teria como objetivo garantir que as ações do Projeto Educação Eficaz fossem efetivamente realizadas. Esse acompanhamento aconteceria nos momentos de atividades extraclasse realizados na escola, a partir de julho de 2014, quando as ações dos projetos já estivessem em andamento.

Outra ação a ser executada pelo grupo de acompanhamento de projeto seria a divulgação de suas ações através da publicação no link próprio da SRE. Esse link seria criado pela equipe da SRE em seu site, sendo uma das ações do Projeto Educação Eficaz, conforme descrito anteriormente. Seu objetivo, além de garantir a publicidade das ações eficazes realizadas na escola através do Projeto Educação Eficaz, é criar uma rede de propagação de ações eficazes que comprovadamente foram executadas em uma unidade escolar e, por isso, há possibilidade de criar bons resultados em outra. A periodicidade dessa publicação seria mensal e as ações a serem divulgadas seriam escolhidas pelo grupo, formado em cada escola, que faria o acompanhamento do projeto em momentos específicos, nas atividades extraclasses.

Outra ação desse Projeto Educação Eficaz considerada importante é a implementação das práticas eficazes no ambiente das salas de aula, que, em última instância, visa elevar o desempenho dos alunos. As práticas didático-pedagógicas executadas por professores e alunos são imprescindíveis para a efetivação de práticas eficazes nos demais contextos escolares. Nesse sentido, a adesão dos professores às ideias do projeto criado na escola a partir de seu contexto é elemento indispensável. Assim, essa ação seria permanentemente desenvolvida pelos professores, tendo como objetivo consolidar, em sala de aula, as práticas que favoreçam o desempenho dos alunos. As ações seriam acompanhadas através dos planejamentos dos professores e de seus registros em diários de classe, ou mesmo de outra forma que a própria escola escolher. Para isso, também haveria o acompanhamento do grupo criado na escola, anteriormente descrito.

Todas as ações elaboradas e executadas nas escolas contariam com o acompanhamento e com o monitoramento direto da SRE, não somente com o intuito de fortalecer a equipe gestora na implementação do projeto, mas também de orientar como executá-las e de esclarecer dúvidas, acompanhando-as nas dificuldades existentes. A partir de março de 2014, a Inspetora e a Analista, responsáveis por cada escola, fariam visitas mensais in loco, a fim de monitorar a efetivação das ações previstas no projeto Educação Eficaz e assegurar que, após a Avaliação Participante, as ações fossem efetivadas.

Após todas as etapas aqui apresentadas, o grupo de acompanhamento do projeto na escola, juntamente com a equipe gestora, criariam oportunidades

para a apresentação dos resultados das avaliações externas e internas, convidando toda a comunidade escolar a participar das reuniões. Nelas, seria realizada a apresentação das práticas eficazes que foram desenvolvidas na escola e que obtiveram o resultado almejado, ou que estão contribuindo para isso. O objetivo, portanto, é divulgar as ações eficazes e os novos processos e resultados da escola, como prestação de contas à comunidade.

(Video) O plano escolar perfeito

Quadro 2: Síntese da proposta de ação para as escolas

Ação Responsável Período Forma Objetivo Custo

Capacitação de todos os gestores das unidades escolares. Apresentação da pesquisa e do processo de Avaliação Participante Analista Educacional/ Pesquisadora juntamente com os diretores da SRE. Março de 2014. Durante 2 horas, em uma das reuniões

gerais com os gestores.

Garantir a adesão dos gestores para realizar a

Avaliação Participante e as demais ações do

projeto Educação Eficaz.

Sem custos exclusivos para esse fim, pois os recursos para o deslocamento

de pessoal estão previstos no orçamento da SRE. Realização da Avaliação

Participante com todos os servidores das unidades

escolares da jurisdição. Analista Educacional ou Inspetor Escolar que atende à escola juntamente com o gestor escolar. Março e abril de 2014.

Durante duas horas, em três momentos de atividades extraclasse (reuniões) realizadas nas escolas. Garantir o processo de Avaliação Participante com todos os profissionais das unidades escolares. Sem custos exclusivos para esse fim, pois os recursos para o deslocamento de pessoal estão

previstos no orçamento da SRE. Realizar momento de estudo

sobre práticas escolares eficazes, através de revisão

da literatura especializada. Gestor escolar, juntamente com toda a equipe profissional da escola. Maio e junho de 2014.

Durante duas horas, em um dos momentos

de atividades extraclasse realizados

nas escolas.

(Video) MODELO DE PLANO DE AÇÃO: aprenda o que é e como montar um

Garantir que todos os profissionais da escola tenham conhecimentos sobre esse campo de

análise conceitual.

Sem custos.

Reformulação do Projeto Pedagógico das escolas, com

realinhamento das ações a partir do processo de Avaliação Participante. Gestor escolar, juntamente com toda a equipe profissional da escola. Maio e junho de 2014.

Durante duas horas, em três momentos de atividades extraclasse realizadas nas escolas.

Garantir a reformulação do Projeto Pedagógico como forma de efetivar

as mudanças necessárias no processo de Avaliação

Participante.

Sem custos.

Elencar ações específicas do projeto Educação Eficaz em

Equipe de profissionais das

Junho e julho de

Durante duas horas, em três momentos de

Garantir a escolha de ações ligadas ao tema

cada contexto escolar. unidades escolares.

2014. atividades extraclasse realizados nas escolas.

do projeto Educação Eficaz que sejam significativas para cada

(Video) PLANO DE AÇÃO DA INTERVENÇÃO PEDAGÓGICA

contexto escolar. Regular e alinhar as práticas

de gestão internas. Equipe de gestão escolar (diretor, vice, supervisoras). Mensalmente a partir de maio de 2014.

Durante duas horas, em momentos de reunião da equipe gestora. Garantir o realinhamento das práticas de gestão escolar denotando a coesão da equipe. Sem custo. Criar um grupo de acompanhamento e de monitoramento das ações do

projeto Educação Eficaz na escola, composto por professores e demais profissionais de cada escola.

Equipe gestora e profissionais das escolas. Junho e Julho/2014. Em reunião durante uma hora em um dos

momentos de atividades extraclasse

realizados na escola.

Garantir que as ações do projeto Educação Eficaz sejam realizadas

nas escolas.

Sem custos.

Publicar as ações desenvolvidas na escola pelo

projeto Educação Eficaz através de um link no site da

SRE. Grupo de acompanhamento e monitoramento das escolas. Mensalmente a partir de julho de 2014.

Durante uma hora, em um dos momentos de

atividade extraclasse realizados na escola.

Garantir a publicidade das ações eficazes realizadas na escola,

através do projeto Educação Eficaz.

Sem custos.

(Video) PLANO DE AÇÃO 5W2H (O Que É e Exemplos)

Implementar em sala de aula as práticas exitosas condizentes àquele espaço,

elencadas no projeto Educação Eficaz. Professores. Permanentemente, a partir de julho de 2014.

Durante as aulas. Consolidar práticas em sala de aula que

favoreçam o desempenho dos alunos. Sem custos. Monitorar o processo de Avaliação Participante e as ações do projeto Educação

Eficaz nas escolas.

Analistas Educacionais e Inspetores Escolares da SRE. Mensalmente, a partir de março de 2014. Durante os atendimentos mensais já realizados nas escolas. Assegurar que as ações previstas no projeto Educação Eficaz da escola, após

a Avaliação Participante, estejam

sendo efetivadas.

Sem custos exclusivos para esse fim, pois os recursos com o deslocamento de pessoal estão

previstos no orçamento da SRE.

Auxiliar as escolas, esclarecendo e acompanhando-as em suas dificuldades de implementação. Apresentar as práticas eficazes e os resultados a Toda a comunidade escolar

periodicamente Grupo de acompanhamento das ações do projeto nas escolas, juntamente com a equipe gestora. Semestralmente. Convidando a comunidade escolar a participar das reuniões para apresentação das práticas eficazes e dos resultados da escola.

Divulgar as ações eficazes, novos processos e resultados

da escola como forma de prestação de contas

à comunidade escolar.

Sem custos.

Com a realização dessas ações, espera-se que as escolas tenham maior conhecimento sobre seu próprio fazer pedagógico e consigam idealizar e realizar um processo de mudança de suas práticas e das culturas organizacionais, de forma a promover o aprimoramento de seus resultados educacionais, colaborando, cada vez mais, com a comunidade atendida.

FAQs

O que é um plano de ação Educativa? ›

O plano de ação escolar se trata de um planejamento escrito de atividades. Ele descreve como a instituição de ensino vai traçar metas para atingir objetivos, desenvolver projetos e sanar problemas.

Quais são as ações realizadas na escola? ›

Veja, a seguir, as nossas 5 dicas!
  1. Use a tecnologia a favor da comunicação. As ferramentas online são ótimos meios de tornar a comunidade escolar mais conectada. ...
  2. Integre a família na rotina do aluno. ...
  3. Tenha transparência com as informações. ...
  4. Abra os eventos para a comunidade. ...
  5. Envolva a comunidade em atividades pedagógicas.
24 Jan 2020

Qual é o objetivo de um plano de ação? ›

O plano de ação nada mais é do que uma sequência cronológica de ações necessárias para atingir um certo objetivo. Assim, é importante saber quebrar ambições maiores em tarefas menores e pontuais – elas serão a base do seu planejamento.

Como desenvolver uma ação educativa? ›

Realizar programas de conscientização sobre a importância do cuidado com a natureza cumpre muito bem o papel educativo.
...
Quais são as principais possibilidades?
  1. oficinas;
  2. workshops;
  3. cursos de curta duração;
  4. mesas-redondas;
  5. debates;
  6. visitas monitoradas;
  7. incentivo de certas práticas;
  8. programas de conscientização;
1 Nov 2018

Como montar um plano de ação para escola? ›

Como fazer um plano de ação escolar?
  1. Definir objetivos. ...
  2. Criar metas. ...
  3. Fazer o planejamento financeiro. ...
  4. Planejar ações. ...
  5. Estabelecer o cronograma. ...
  6. Definir os envolvidos. ...
  7. Comunicar e colocar em prática. ...
  8. Acompanhar e registrar o desempenho.
20 Jan 2022

Que tipo de ações a escola pode fazer para atuar no problema? ›

Conscientizar os alunos sobre a importância de hábitos saudáveis como prevenção de doenças; Promover aulas e discussões sobre saúde mental; Envolver os alunos em atividades práticas, como cuidar de uma horta na escola; Capacitar os professores para tirar dúvidas e identificar sinais de que o aluno precisa de ajuda.

Como planejar e implantar novas ações que envolvam a comunidade escolar? ›

Envolva a comunidade escolar na construção do PPP

Para isso, engajar a comunidade escolar é fundamental para que diferentes perspectivas possam contribuir na construção do documento. Uma das pautas essenciais é construir estratégias que deem voz a todos os envolvidos, sendo: colaboradores, pais, professores e alunos.

Quais devem ser as prioridades de ação a serem implementadas pela instituição? ›

Devem ser listadas as principais metas a serem alcançadas. A seleção deve destacar as melhorias que farão a organização ter um maior reconhecimento junto ao mercado e aos consumidores. Para esta iniciativa ter os resultados esperados, a recomendação é ter como foco a qualidade das ações.

O que são estratégias e planos de ações? ›

Uma estratégia é um plano de ação projetado para atingir um objetivo específico. Estratégia é tudo sobre ganhar ou pelo menos tentar ganhar, uma posição de vantagem sobre adversários ou concorrentes. Estar olhando para a frente sempre há incerteza e risco associado à estratégia de decisão.

Quais são as atividades do seu plano de ação inicial para a construção do projeto? ›

  • Defina claramente seus objetivos.
  • Torne suas metas mensuráveis.
  • Liste todas as tarefas que devem ser realizadas.
  • Estabeleça prazos.
  • Delegue tarefas.
  • Crie uma representação visual do plano de ação.
  • Preveja situações de riscos e estruture planos de contingência.
  • Monitore o andamento das ações.

Qual a diferença de plano de aula e plano de ação? ›

Resposta. Resposta: Planejar pode ser entendido como antecipar algo que ainda não aconteceu, de modo a tomar alguma decisão quando uma das previsões acontecerem. A ação se inicia a partir do momento em que é definido um objetivo, bem como as metas que devem ser batidas para que ele seja alcançado no prazo determinado.

Como elaborar um plano de implementação? ›

Como criar um plano de implementação em seis passos
  1. Defina metas. O primeiro passo do processo de implementação é definir as suas metas. ...
  2. Faça pesquisas. ...
  3. Mapeie os riscos. ...
  4. Estipule marcos. ...
  5. Atribua responsabilidades e tarefas. ...
  6. Aloque recursos. ...
  7. Objetivos. ...
  8. Declaração do escopo.
2 Jun 2022

Qual a importância de se ter um plano de ação? ›

Realizar um plano de ação é importante pois torna claro os objetivos que, em resumo, são a expressão do caminho que a organização pretende seguir e a estratégia é o projeto final para se chegar lá. A estratégia, portanto, é o plano no qual seria impossível o exito em qualquer projeto.

Porque às vezes é preciso introduzir novas ações do plano de ação? ›

Porque, na realidade, as organizações precisam mudar seus objetivos e implementar novos projetos de tempos em tempos. Desse modo, independentemente da área de atuação, cada organização precisa introduzir novas ações em seu plano de ação.

O que é ação educativa na educação infantil? ›

Essas atividades abordam os mais variados temas, que são escolhidos pelas crianças, sempre em consonância com os projetos desenvolvidos e acontecem nos vários ambientes da escola como: a cozinha experimental, a horta, o laboratório de ciências, o palco, os campos de futebol e outros.

Como falar da trajetória escolar? ›

Comecei estudar bem cedo, meus pais me colocaram no pré, para que eu fosse me acostumando com a escola. Confesso que eu não gostava muito da ideia, mas com o passar do tempo fui me acostumando. Sempre estudei em escola pública tive ótimos professores, alguns muito rígidos, outros nem tanto.

O que é trajetória escolar? ›

Ela é fruto da junção entre os pendores individuais e um espaço de relações sociais que transcende a trajetória biográfica construída na família e na classe, representando um convite, se não a uma ruptura, ao menos a uma superação, das expectativas primeiras incrustradas no habitus de classe.

O que é um plano de ação escolar exemplo? ›

Um plano de ação deve conter o que a escola vai fazer em todas as séries naquele ano letivo. O Plano de Ação da escola é o planejamento escrito que descreve como a instituição vai endereçar seus problemas, desenvolver suas ações e traçar metas para alcançar seus objetivos.

Como descrever uma ação pedagógica? ›

O plano de ação pedagógico é o documento que apresenta as diretrizes a serem seguidas por todos na escola. Ele mostra os problemas atuais e as metas a serem alcançadas. Além disso, determina como o trabalho será monitorado, indicando os ajustes necessários e o que já está dando certo.

Quem faz o plano de ação da escola? ›

Já a elaboração do plano de ação da escola é um momento de planejamento coletivo de todos reverem a prática educativa. Assim, o planejamento dos objetivos, metas, ações e resultados esperados devem ser seguidos pela equipe de gestão, e considerados no seu planejamento docente.

Que ações podem fortalecer a relação entre escola e comunidade? ›

Para que exista uma verdadeira relação entre escola e comunidade, o espaço escolar pode ser um lugar de convivência no bairro. Abrir os portões para a participação dos moradores nos eventos escolares é uma ação bastante positiva. A equipe pode realizar palestras sobre assuntos relevantes e convidar a todos.

Quais ações poderiam ser desenvolvidas pela escola para melhorar atender a comunidade? ›

2. Utilize a reunião de pais para discutir temas de interesse mútuo. As reuniões de pais também são uma forma de aumentar o envolvimento com a comunidade escolar, uma vez que, além dos encontros para falar do progresso acadêmico dos alunos, podem ser momentos para discutir temas de interesse mútuo.

O que é importante para potencializar as ações educativas? ›

O professor pode trabalhar essa aprendizagem através de um estudo de caso ou projeto, para que os alunos resolvam os desafios de forma colaborativa. Dessa forma, eles aprendem uns com os outros, empenhando-se para formar o pensamento crítico, que é construído por meio de discussões e reflexões entre os grupos.

Quais as cinco formas de participação da comunidade com a escola? ›

A pesquisa INCLUD-ED1, realizada em diversos países da Europa, identificou cinco tipos de participação da comunidade nas escolas: informativa, consultiva, decisória, avaliativa e educativa.

O que se poderia propor para melhorar a gestão democrática dessas escolas promovendo a participação de suas respectivas comunidades escolares? ›

Um dos principais pontos desse modelo é promover um maior engajamento entre a instituição e a comunidade escolar, trazer os pais e familiares para dentro desse ambiente e oferecer um espaço para que as suas vozes sejam ouvidas, sempre em busca de melhorias na escola como um todo.

Qual é a função do cronograma? ›

O cronograma é um documento que facilita uma boa estruturação dos projetos da empresa. Ele permite acompanhar o desempenho das equipes envolvidas e do projeto, além de mensurar a utilização de recursos, que não devem divergir do previsto.

O que é um bom plano? ›

Quando se define objetivos e metas é fundamental o planejamento de ações para atingi-los e o caminho que será percorrido até alcançarmos o resultado desejado. O primeiro passo para termos um bom plano de ação é o esclarecimento dos objetivos e metas que devem ser claros para toda a organização.

Qual é o objetivo de um plano de ação? ›

O plano de ação nada mais é do que uma sequência cronológica de ações necessárias para atingir um certo objetivo. Assim, é importante saber quebrar ambições maiores em tarefas menores e pontuais – elas serão a base do seu planejamento.

Por que o planejamento é importante para a gestão da sala de aula? ›

O planejamento escolar vai ajudar a medir o desempenho dos estudantes por meio das metas e propostas feitas no planejamento anterior. Assim, será possível observar como os alunos se saíram por um determinado período de tempo, seja ele um semestre, trimestre ou um ano.

Qual a importância de fazer um planejamento estratégico? ›

O planejamento estratégico auxilia na compreensão das mudanças do ambiente externo e interno, pois ajuda a reconhecer problemas que podem surgir ao longo do caminho e a identificar oportunidades de melhoria para o negócio.

Quais são as principais ações que devem estar presentes em um plano de trabalho? ›

Deve-se conter: as etapas que serão realizadas durante o trabalho, como início, meio e fim do trabalho; a definição do que será abordado no trabalho de forma clara e concisa; as ferramentas que serão utilizadas para o desenvolvimento do trabalho; o tempo que levará para cumprimento do prazo e as estratégias que devem ...

Como elaborar um plano de ação passo a passo? ›

Método PDCA no plano de ação

Planejar: identifique o problema e planeje as ações de melhorias; Fazer: coloque as ações planejadas em execução; Checar: mensure os resultados das ações; Agir: entenda e corrija o que não ocorreu como o planejado e padronize o que deu certo.

Como se estrutura um plano de ação para atingir suas metas? ›

Escolha e defina claramente seu objetivo

Leve em consideração não apenas a importância do seu objetivo, mas também o quanto ele está considerando o cronograma e os recursos com os quais você precisa trabalhar. Todos os envolvidos nas atividades definidas no plano devem ter bastante clareza de onde você quer chegar.

Quais os 5 passos do plano de ação? ›

Na prática: como criar um Plano de Ação em 5 passos
  • Iniciação.
  • Planejamento.
  • Execução.
  • Monitoramento.
  • Encerramento.
9 Sept 2016

Quais são os planos de ensino? ›

Plano de ensino é uma relação entre os conteúdos que se pretende desenvolver com as disciplinas ofertadas em sala de aula. Nele, metas de ensino e aprendizagem são desenvolvidas. Entretanto, é importante salientar que o plano de ensino, mesmo sendo pré-estabelecido, pode sofrer mudanças durante a sua execução.

Qual é o plano da escola? ›

O Plano Escolar é documento que operacionaliza as medidas previstas no Regimento Escolar.

Quanto aos elementos constitutivos do plano de aula há um deles? ›

Os elementos de um plano de aula são: tema/assunto; público-alvo; objetivo(s), cronograma; conteúdos; atividades/estratégias; recursos; avaliação; registro das atividades.

Qual a diferença de plano de aula e plano de ação? ›

Resposta. Resposta: Planejar pode ser entendido como antecipar algo que ainda não aconteceu, de modo a tomar alguma decisão quando uma das previsões acontecerem. A ação se inicia a partir do momento em que é definido um objetivo, bem como as metas que devem ser batidas para que ele seja alcançado no prazo determinado.

Qual a importância de um plano de ação escolar? ›

O Plano de Ação Escolar é uma prática essencial para a organização da escola, viabilizando a administração de seus processos de maneira eficiente e direcionando suas atividades para o alcance de metas e objetivos projetados para o ano letivo.

Quem é responsável de fazer o plano de ação de uma escola? ›

Já a elaboração do plano de ação da escola é um momento de planejamento coletivo de todos reverem a prática educativa. Assim, o planejamento dos objetivos, metas, ações e resultados esperados devem ser seguidos pela equipe de gestão, e considerados no seu planejamento docente.

O que é o plano de ação no PPP? ›

Concluímos que o plano de ação configura-se em um instrumento indispensável para a estruturação das ações e projetos estabelecidos no PPP da unidade escolar porque implica a tomada de decisão para atingir os objetivos e as metas que foram definidas coletivamente.

O que é um plano de ação escolar exemplo? ›

O que é um plano de ação escolar

Um plano de ação escolar é um planejamento documentado que descreve como a organização vai priorizar suas atividades ao longo do ano e trabalhar para alcançar seus objetivos.

Quais são os planos de ensino? ›

Plano de ensino é uma relação entre os conteúdos que se pretende desenvolver com as disciplinas ofertadas em sala de aula. Nele, metas de ensino e aprendizagem são desenvolvidas. Entretanto, é importante salientar que o plano de ensino, mesmo sendo pré-estabelecido, pode sofrer mudanças durante a sua execução.

Como elaborar um conteúdo programático? ›

Veja um passo a passo de como montar um plano de aula.
  1. Reflita sobre o público-alvo. ...
  2. Escolha o tema da aula. ...
  3. Defina o objetivo a ser alcançado. ...
  4. Defina o conteúdo a ser abordado. ...
  5. Decida a duração da aula. ...
  6. Selecione os recursos didáticos. ...
  7. Defina a metodologia a ser utilizada. ...
  8. Escolha como avaliar o aprendizado dos alunos.

Como descrever uma Ação pedagógica? ›

O plano de ação pedagógico é o documento que apresenta as diretrizes a serem seguidas por todos na escola. Ele mostra os problemas atuais e as metas a serem alcançadas. Além disso, determina como o trabalho será monitorado, indicando os ajustes necessários e o que já está dando certo.

Quais principais fatores devemos observar ao realizar o planejamento escolar? ›

Quais dicas podem ajudar na elaboração de um bom planejamento?
  • Analise dados. Essa é uma das partes mais importantes do planejamento. ...
  • Proponha melhorias. ...
  • Faça um cronograma. ...
  • Implemente novas tecnologias. ...
  • Tenha metas alcançáveis. ...
  • Delegue responsabilidades.

Qual a relação entre o Plano de Ação da escola e o processo de ensino-aprendizagem? ›

O planejamento de aula é de fundamental importância para que se atinja êxito no processo de ensino-aprendizagem. A sua ausência pode ter como consequência, aulas monótonas e desorganizadas, desencadeando o desinteresse dos alunos pelo conteúdo e tornando as aulas desestimulantes.

São características do Plano anual de Ação escolar? ›

As dimensões que devem ser contempladas no Plano de Ação da escola são: gestão escolar democrática; prática pedagógica; avaliação; acesso, permanência e sucesso na escola; ambiente educativo e formação dos profissionais da escola1.

Qual é o objetivo de uma escola? ›

É a instituição que fornece o processo de ensino para discentes (alunos), com o objetivo de formar e desenvolver cada indivíduo em seus aspectos cultural, social e cognitivo.

Qual é a importância de um bom planejamento? ›

Um bom planejamento reduz o tempo com o acompanhamento e ações corretivas, pois previne riscos desnecessários e faz com que a execução seja mais assertiva. Ou seja, quando você planeja você não perde tempo, você investe tempo para ter um retorno no futuro.

Como preencher o Plano de Ação Pei? ›

Deverá ser inspiradora, realizável e ter uma dimensão objetiva. Valores: São os fundamentos que regem as ações da equipe escolar e importantes para desenvolver a visão. Objetivos Específicos: São as pretensões específicas da escola, apresentando brevemente as metas, as ações e a justificativa.

Qual o roteiro para elaboração do projeto político pedagógico? ›

Ao elaborar o PPP é importante levar em consideração alguns aspectos, tais como: a) Diagnóstico da realidade da escola e de sua comunidade nas dimensões pedagógica, administrativa, financeira, jurídica, histórica, social; b) Levantamento junto a todos os segmentos da função social da escola e que tipo de formação ...

Como preencher o programa de Ação Pei? ›

Modelo Programa de Ação - YouTube

Videos

1. As principais ações da Gestão Escolar numa Escola eficaz - Parte 01
(BLOG PROF.)
2. 2° Encontro Formativo - Atualização das orientações do Planejamento da Ação Educativa e Pedagógica
(SME Goiânia)
3. Tema 16: Os Planos de Ação para o Desenvolvimento Digital das Escolas (PADDE)
(DGE ME)
4. Gestão escolar | Conceito & Ação
(MultiRio)
5. Plano de Ação na Prática [5W2H] | DOWNLOAD GRÁTIS
(Gestão para Todos)
6. PLANO DE AÇÃO: O QUE É E COMO MONTAR UM
(Geronimo Theml)
Top Articles
Latest Posts
Article information

Author: Nathanial Hackett

Last Updated: 01/30/2023

Views: 6017

Rating: 4.1 / 5 (72 voted)

Reviews: 87% of readers found this page helpful

Author information

Name: Nathanial Hackett

Birthday: 1997-10-09

Address: Apt. 935 264 Abshire Canyon, South Nerissachester, NM 01800

Phone: +9752624861224

Job: Forward Technology Assistant

Hobby: Listening to music, Shopping, Vacation, Baton twirling, Flower arranging, Blacksmithing, Do it yourself

Introduction: My name is Nathanial Hackett, I am a lovely, curious, smiling, lively, thoughtful, courageous, lively person who loves writing and wants to share my knowledge and understanding with you.